2017-03-17

'Passei para a linha de frente e descobri que não tenho aptidão para vender' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 17/03/2017, com um ouvinte que passou da área de apoio para a área de vendas e se arrepende disso.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

'Passei para a linha de frente e descobri que não tenho aptidão para vender'

vendedor ocupado

Um ouvinte escreve: "Trabalhei sete anos na área comercial desta empresa, sempre em funções de apoio, gerando informações para meus superiores. Há cinco meses surgiu uma oportunidade de passar para a linha de frente, como vendedor. A vaga me foi oferecida e eu aceitei, porque a transição representaria uma razoável evolução no meu salário.

Só que já descobri que não tenho aptidão para vender. Meus resultados estão bem abaixo do esperado e meu superior me cobra muito, como faz com os demais vendedores. Sinto-me infeliz por ter deixado de fazer o que eu fazia bem, para me arriscar a fazer algo que eu imaginava que seria até mais fácil. Não posso voltar à função anterior devido à diferença salarial e estou com receio de ser demitido. O que faço?"


Bom, prevendo a pior hipótese, seria recomendável você começar a procurar outro emprego igual ao que tinha, na área de apoio.

Eu vi muitos profissionais fazerem a transição que você fez, do escritório para o campo. E posso lhe assegurar que, na maioria dos casos, o desfecho foi semelhante ao seu. Talvez porque uma função de apoio requeira técnica, enquanto a função de vender é mais uma arte. Quem se dá bem em uma até pode se dar bem na outra, mas isso é mais exceção do que regra.

De qualquer forma, você tomou a decisão correta ao tentar uma mudança vantajosa. E não deve considerar a falta de adaptação como um fracasso. Pelo contrário, em seu currículo destaque esse aprendizado prático como um fator que lhe possibilitou se tornar ainda melhor naquilo que você já era bom.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin